Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

palavras&desabafos

Escrever o que sinto, o que quero, o que penso. Divagar pela alma, pelo coração, ou simplesmente salvar ideias e criar sonhos.

palavras&desabafos

Escrever o que sinto, o que quero, o que penso. Divagar pela alma, pelo coração, ou simplesmente salvar ideias e criar sonhos.

Sex | 23.03.18

Amigos da Onça

Sei que tenho estado ausente, motivos de força maior que me trouxeram a mais profunda das tristezas e das agonias, e só quem percebe a dor da perda de alguém querido, o pode entender.

Esta foi uma semana de coisas menos boas, assim só para não dizer que foram muito más. Como perder um amigo não seria suficiente, também foi preciso sentir a dor de alguém que perdeu parte do seu chão e dos seus amigos (assim por quase nada)... sim é muito duro...é preciso tanto para crescer?

Questiono-me muitas vezes o que nos leva a ter determinados comportamentos, e de que forma pode a maldade ocupar tanto espaço nos corações das pessoas. Como? Como é possível ser dono da incessibilidade, do rancor, do ódio, como podemos nós ficar indiferentes, não querer saber da dor do outro, enganar, ser mesquinho. Como é possível que os amigos nos abandonem, nos virem as costas ou nos julguem, quando deviam estar lá e apoiar, dar a mão e ajudar, tentar perceber o nosso lado, as nossas razões. Não precisamos concordar, mas apenas compreender. A meu ver os amigos não nos deviam matar, deviam antes ajudar a salvar-nos, certo? Que sentido tem esta palavra entáo... amizade é o quê afinal?!

É triste perceber que as pessoas se movem quase sempre por interesses, é triste perceber que afinal aquelas pessoas que tu acreditavas serem especiais, são só uma merxa. Amigos da Onça, é o que são.

b0a519969294b31645fba00f4ee72e09.jpg

 imagem aqui

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.